TRATAMENTO


                 Com o que chamamos de Conduta Única, pois ao longo dos anos chegamos a um Procedimento Único, com o qual 100% dos pacientes (até hoje tratados) cicatrizaram em poucos dias.
                 Veja o ANTES e o DEPOIS e também as fases do tratamento e a evolução da cicatrização e a cura dos pacientes em Úlcera Varicosa (tratamento).
ÚRCERA VARICOSA


  VOCÊ SABIA?
                 Que Úlceras Varicosas são, em sua maioria, lesões de perna que todos nós “conhecemos”. São pacientes que vivem sofrendo dor com feridas enfaixadas e tratando, sem sucesso, ao longo de anos que geralmente nunca cicatrizam.
                 A incidência é grande, principalmente em pessoas acima dos 60 anos, portadoras de varizes dos membros inferiores.
                 Em sua maioria é causada por insuficiência vascular nos membros, associada á quadros repetidos de streptococcia e por falta de tratamento adequado no inicio do problema.
TRATAMENTO
PLANTAS


                 Usamos banho morno 03 vezes ao dia durante 20 minutos; durante a Fase
Aguda (inicial) do quadro clínico da Streptococcia e/ou todas as vezes que iniciamos o
tratamento dos pacientes portadores de Úlcera Varicosa, independente dos pacientes
estarem com o quadro clínico de infecção com Streptococcia ou não.



Usamos banho morno 03 vezes ao dia durante 20 minutos; durante a Fase Aguda
(inicial) do quadro clínico da Streptococcia e/ou todas as vezes que iniciamos o
tratamento dos pacientes portadores de Úlcera Varicosa, independente dos pacientes
estarem com o quadro clínico de infecção com Streptococcia ou não.


Ø Quais as plantas:


Hortelã




              Tomatinho



Ø Como preparar:

a) 07 litros de água, 50 ml de vinagre “caseiro”, 02 colheres de sopa de sal, 01
punhado de hortelã e 03 punhados de tomatinho (folhas, caule e frutos).

b) Ferver e aguardar esfriar até a temperatura suportável e banhar por 03 vezes ao
dia durante 20 minutos




   
                          A CONDUTA  ÚNICA DE  TRATAMENTO



                  Em medicina existem dois conceitos que consideramos importantes:

1. Qualquer afirmação para a solução de um problema seria “burra”.

2. Sempre que existem várias condutas para a solução de um problema
é porque “nenhuma se faz eficaz”.


                  Porém nós chegamos a uma Conduta Clínica Única com a qual em
poucos dias de tratamento, conseguimos chegar a cicatrização de 100% dos pacientes
(até hoje) por nós tratados, não importando o tempo de início da lesão.
                  Mesmo nos casos clínicos de pé diabético, mal perfurante plantar, necroses
localizadas na região do tendão de aquilis e lesões ulceradas e portadores de elefantíase.
A conduta para o tratamento das lesões são as mesmas. Apenas os cuidados são
especiais em relação a clínica do paciente mas o prognóstico não muda com o
tratamento por nós realizados.


                  VEJA:
                              
Úlcera Varicosa (tratamento)
  Úlcera Venosa (fotos)

Ø Mais comentários em Úlcera Venosa (tratamento).


                                TRANSMISSÃO


Não é contagiosa. Porém, as lesões geralmente são crônicas e infectadas por
infecções secundárias com grande produção de secreção e odor fétido, que pioram com 
as áreas de necrose, levando algumas pessoas a se “isolarem” ou se afastarem destes
pacientes, tratando-os de forma discriminativa.

Muitos pacientes chegam até, em segunda fase da lesão, a terem infestação por
“bicheira” (larva de mosca, ver em Miíase).

A grande maioria dos pacientes fica fazendo eternos curativos nos Postos de
Saúde ou Hospitais, compram materiais para curativo e inúmeras “pomadas” que, se
somados, chegam a valores altíssimos para os serviços públicos, para a família e
principalmente para os pacientes. E o que é pior: “Nunca ficam curados”.


                                        Dr. Gotardo

Em Úlceras Varicosas (fotos) mostramos lesões de pacientes que foram por nós
atendidos e tratados, todos (100% dos casos com evolução para a cura das lesões).
Gostaríamos de lembrár-mos também que muitos outros casos não foram
documentados e (também a evolução de alguns destes) por motivos de ordem técnica e
pessoal. Porém, muitos destes casos estão documentados em “pastas” com fotos em
nosso consultório e todos os pacientes atendidos e registrados em fichas de
atendimento médico.

     Distribuímos as fotos das lesões com os critérios:

I. Úlcera Varicosa:

a. Localizadas na perna;
b. Localizadas no tornozelo;
c. Localizadas no tornozelo;
d. Localizadas na perna, tornozelo e no pé.

II. Pé Diabético;

III. Mal Perfurante Plantar;

IV. Necrose do tendão de Aquilis;

V. Lesões Ulceradas em portadores de Elefantíase (linfoedema).


I - Úlcera Varicosa (fotos):
DSC00067 DSC00064 DSC00096 SDC15181 SDC10963
SDC15192 SDC10295 SDC10767 SDC10776 SDC11182
Dr.Gotardo
Dr.Gotardo
Médico